Dicas: Miniguia da Pintura

Dicas

 

Miniguia da Pintura

Mesmo que a sua intenção não seja colocar a mão na massa, é importante o morador conhecer os passos de uma pintura bem-feita. Assim é possível avaliar o trabalho do pintor e, se preciso, solicitar reparos. Mas se você mesmo pretende executar o serviço, pois precisa economizar, César Dutra, gerente de vendas e marketing da Argalit preparou um miniguia para te ajudar a renovar a cor sem dor de cabeça. ?É possível renovar o visual de casa sem gastar com a mãe de obra. A economia pode ser de R$ 100,00 por parede?, avalia.

Passo a Passo 

Escolha Certa 
Na hora de escolher a cor das tintas ou até mesmo mudar a cor das paredes é comum surgir dúvidas. Todas as cores são bem-vindas, desde que crie uma harmonia com o ambiente. Para não errar, é preciso levar em consideração o local da aplicação, já que a cor é capaz de transformar o espaço, elas influenciam o humor e estimulam sensações. Por isso, as cores devem ser pensadas de acordo com cada ambiente.

Preparando a superfície 
A superfície deve estar limpa, seca e isenta de gordura, graxa ou mofo. Limpar as paredes com água e sabão, porém em alguns casos existem manchas que não saem tão fácil. Fungos ou bolor devem ser lavados com uma solução de água e cloro em partes iguais, deixar agir por 15 minutos e depois enxaguar com água limpa e esperar secar. A base precisa estar firme e regular, livre de qualquer tipo de estufamentos.

Escolhendo pincéis e rolos 
Se a necessidade é pintar grandes áreas, pode-se optar com a ajuda dos rolos. Para quem deseja trabalhar com tetos e paredes muito lisas com tinta plástica, pode contar com os rolos anti-gotas para ajudar minimizar a sujeira.

Finalizando        
Arremate a pintura com os pincéis. Eles entram como auxiliares nos ajustes e acabamentos e são utilizados para pintar horizontalmente rente ao teto ou abaixo da faixa de gesso. Uma fita do tipo crepe ajuda muito a evitar que a pintura borre para áreas que não deveria.

Manutenção 
É importante fazer limpezas constantes e acompanhar o envelhecimento da tinta. Quando necessário, faça reparos.